terça-feira, 6 de abril de 2010

Boquim sitiada pelo medo...

O Interior a mercê dos bandidos

Quadrilhas impõem o medo e assaltam comerciantes e população a qualquer hora do dia. Moradores afirmam que a polícia não atende as ocorrências

06/04/2010 - 07:22


Distante 82 km da capital sergipana, o município de Boquim conhecido pela tradicional festa da laranja, esconde o medo e a angustia de um povo que está a mercê dos bandidos que invadem estabelecimentos comerciais a qualquer hora do dia e assaltam pessoas a mão armada.
A tranquilidade de José Hunaldo Andrade e Joelma Pereira de Oliveira foi quebrada após o estabelecimento comercial e uma chácara do casal ter sido alvo de assaltos. A ação dos bandidos chamou a atenção do comerciante que está indignado com o descaso da polícia com a segurança pública do município. O comerciante conta que há 10 anos escolheu morar no Interior para fugir da violência.
“Boquim é uma cidade acolhedora e era muito pacata e tranquila, mas os assaltos tem se tornado frequentes e não podemos deixar que os bandidos tomem conta das casas e continuem aterrorizando a população”, lamenta Hunaldo.
O desabafo do comerciante é por conta de um assalto registrado em sua mercearia no inicio do mês. Hunaldo conta que sua esposa foi abordada por três homens armados que chegaram ao final do expediente e levaram cerca de R$500 em dinheiro. “Eles agiram rapidamente, mas quando chamamos a polícia eles demoraram mais de 20 minutos para chegar”, relata o comerciante, ressaltando que a delegacia do município fica há cerca de 300 metros do local do assalto.
O comerciante tem mesmo motivos para se preocupar, a propriedade rural também foi arrombada duas vezes. “Eles levaram telefone, vídeo, som e tentaram roubar também uma bomba de água, mas como não conseguiram, voltaram no outro dia e levaram todo o restante”, conta Hunaldo, completando que chegou a pedir ajuda na delegacia, mas não tinham policiais para fazer a diligência.
No município o que não falta é relatos de pessoas que foram assaltadas. No Centro, o principal alvo são lojas de roupas, doces e casas lotéricas. Com medo de represarias um comerciante diz que um assaltante conhecido na região levou várias peças de roupa da sua loja no último final de semana. Dessa vez a polícia conseguiu prender o assaltante, mas o comerciante reclama que na mesma semana foi colocado em liberdade.
Somente este ano a casa lotérica do município foi assaltada duas vezes. “Um prejuízo muito grande, fora também o medo que fica para as pessoas que trabalham no local”, reclama o proprietário que prefere não ser identificado.
De acordo com o delegado do município, Dernival Eloi, que assumiu o cargo há poucas semanas, a delegacia tem 160 inquéritos que estão sendo analisados. Dernival afirmou que desconhece os casos de assaltos e que a maioria das ocorrências estão relacionadas a roubos. “Já encaminhei ofício a Secretaria da Segurança Pública pedindo o reforço do efetivo, contamos apenas com um policial na rua e um investigador quando seriam necessários um no plantão e três policiais nas ruas”, diz o delegado ressaltando que esteve reunido com o juiz, promotor e representantes no sentido de reiterar o pedido a SSP.

veja matéria completa em : http://www.infonet.com.br

Por Kátia Susanna

Nenhum comentário:

Sobre o que já postamos

BOQUIM SERGIPE piso professores GREVE prefeito sintese luta Brasil PISO SALARIAL vereadores Déda Jean câmara Aracaju Lagarto Pedrinhas STF 2012 2014 Alencar Amigos BLOCO CARREIRA DEPUTADOS LAGOA VERMELHA MP PNE PRE-CAJU Tribunal de Contas chile ditadura enterro escolas governo magistério mec micareta prefeitura prova 12 de junho 141anos 150 dias 1567 2010 2016 ADI AZAR Abelardo Romero Dantas Alô Associação BANDA LARGA BODE Bahia CAE CANDIDATO CLT CNBB Carmem Miranda Ciarlos Conae Copa do mundo Creches DIA DO BEIJO ESTADUAL EUA Edivaldo Educação Estado Estância FESTA FIFA HINO IBGE INTERNET Iluminação Interior José José Comblin LAN HOUSE Lula MARCELO DEDA MDE MICARETA 2012 México Natal OAB Obama PAREDÕES PRAÇA RCB RESISTÊNCIA SE SEXTA FEIRA 13 TV Tabaroinha Taxa UFS Zé Carioca acidente adefib ai se eu soubesse aliança angra 1 angra 2 aniversário anos arcaju argentina.brasil assembleia. assim você me mata atomicas atrasado aulas bardosa batismos campanha censura cidadania cidade concursado contratados copertalse cravo dança das cadeiras dem denúncia dia dos namorados direitos edil energia escravos esquerda estudantes expressão fhs floro frei betto fundação hospitalar de saúde globo golpe militar hegemonia humanos iran japão jovem jovens joão junho kw/h lei liberdade libertação livro líder manifestações merenda merendeira micareta 2011 morte médicos mídia nacional notas novela nucleares oposição pacientes padre pascoa pedro barbosa polícia militar política prefeitos presidente pt páscoa quaresma reforma republica riachão rojões santana sbt secretaria segurança pública sindipema smecelt tabela tarifas teologia da libertação trânsito universitários usinas verdade vereador vice violencia voto