sexta-feira, 10 de junho de 2011

Vamos queimar fogueira!!!

Durante a manhã e até depois das 14h os professores da rede estadual de Sergipe acompanharam a votação do projeto de lei sobre o reajuste do piso em 2010.
“Olha em quem votamos e eles nem olham para cá (galeria) nem olharam para nós! – desabafava uma professora de Poço Verde ao se referir as votações dos parlamentares.
Nenhum dos deputados que votaram contra os professores usaram a palavra para defender o projeto do governo, nem Gilmar Carvalho que tinha dito em seu programa ser contra o parcelamento do reajuste, nem João Daniel que se diz líder dos movimentos sociais, muito menos Conceição Vieira que só vez ceder a parte a Ana Lúcia e mesmo assim votou contra os professores. Os demais parlamentares só ficavam olhando para frente ou para o painel ignorando a presença dos professores também votaram em alguns daquela casa. O pastor Antonio nem ouviu o apelo da bancada evangélica para não ser contra a categoria. Luiz Mitidieri também votou contra o magistério sergipano. 
Os professores da rede estadual decidiram em assembleia realizada no Instituto Histórico e Geográfico decidiram continuar a greve.
Eles decidiram realizar um ato público na terça-feira, 14, um ato público na Praça Fausto Cardoso a partir das 9h. Os educadores farão uma queima simbólica do governo do Estado e dos 17 deputados que votaram contra os professor

Confira a lista abaixo com os nomes dos deputados e quantos votos eles tiveram na cidade de Boquim:
CONFIRA PROFESSOR QUEM VOTOU CONTRA VOCÊ!
DEPUTADOS
PARTIDO
VOTOS EM BOQUIM
VOTOU
ADELSON BARRETO
PSB
294
CONTRA
ANA LUCIA
PT
148
A FAVOR
ARNALDO BISPO (OPOSIÇÃO)
DEM
7
A FAVOR
AUGUSTO BEZERRA (OPOSIÇÃO)
DEM
403
A FAVOR
CAPITAO SAMUEL
PSL
215
A FAVOR
CONCEICAO VIEIRA
PT
137
CONTRA
DR GILSON ANDRADE
PTC
205
CONTRA
DRA ANGELICA
PSC
62
CONTRA
FRANCISCO GUALBERTO
PT
280
CONTRA
GARIBALDE MENDONÇA
PMDB
253
A FAVOR
GILMAR CARVALHO
PR
135
CONTRA
GORETTI REIS (OPOSIÇÃO)
DEM
272
A FAVOR
GUSTINHO RIBEIRO
PV
107
CONTRA
JEFERSON ANDRADE
PDT
38
CONTRA
JOAO DANIEL
PT
234
CONTRA
LUIZ MITIDIERI
PSDB
4.725
CONTRA
MARIA MENDONÇA
PSB
68
CONTRA
MUNDINHO DA COMASE
PSL
258
CONTRA
PASTOR ANTONIO
PSC
362
CONTRA
PAULINHO DA VARZINHAS FILHO
PT do B
290
CONTRA
SUSANA AZEVEDO
PSC
85
CONTRA
VENÂNCIO FONSECA (OPOSIÇÃO)
PP
3.019
A FAVOR
ZE FRANCO
PDT
39
CONTRA
ZEZINHO GUIMARAES
PMDB
111
CONTRA

Nenhum comentário:

Sobre o que já postamos

BOQUIM SERGIPE piso professores GREVE prefeito sintese luta Brasil PISO SALARIAL vereadores Déda Jean câmara Aracaju Lagarto Pedrinhas STF 2012 2014 Alencar Amigos BLOCO CARREIRA DEPUTADOS LAGOA VERMELHA MP PNE PRE-CAJU Tribunal de Contas chile ditadura enterro escolas governo magistério mec micareta prefeitura prova 12 de junho 141anos 150 dias 1567 2010 2016 ADI AZAR Abelardo Romero Dantas Alô Associação BANDA LARGA BODE Bahia CAE CANDIDATO CLT CNBB Carmem Miranda Ciarlos Conae Copa do mundo Creches DIA DO BEIJO ESTADUAL EUA Edivaldo Educação Estado Estância FESTA FIFA HINO IBGE INTERNET Iluminação Interior José José Comblin LAN HOUSE Lula MARCELO DEDA MDE MICARETA 2012 México Natal OAB Obama PAREDÕES PRAÇA RCB RESISTÊNCIA SE SEXTA FEIRA 13 TV Tabaroinha Taxa UFS Zé Carioca acidente adefib ai se eu soubesse aliança angra 1 angra 2 aniversário anos arcaju argentina.brasil assembleia. assim você me mata atomicas atrasado aulas bardosa batismos campanha censura cidadania cidade concursado contratados copertalse cravo dança das cadeiras dem denúncia dia dos namorados direitos edil energia escravos esquerda estudantes expressão fhs floro frei betto fundação hospitalar de saúde globo golpe militar hegemonia humanos iran japão jovem jovens joão junho kw/h lei liberdade libertação livro líder manifestações merenda merendeira micareta 2011 morte médicos mídia nacional notas novela nucleares oposição pacientes padre pascoa pedro barbosa polícia militar política prefeitos presidente pt páscoa quaresma reforma republica riachão rojões santana sbt secretaria segurança pública sindipema smecelt tabela tarifas teologia da libertação trânsito universitários usinas verdade vereador vice violencia voto