terça-feira, 4 de novembro de 2014

Boquim: Prefeitura terá 120 dias para instalar e por em funcionamento os equipamentos de informática em todas as escolas da rede municipal - multas diárias poderão atingir o valor máximo de R$ 10mil

TCE firma TAG para corrigir irregularidades em escolas de São Domingos e Boquim


fonte e texto: www.tce.se.gov.br


O Tribunal de Contas do Estado (TCE/SE) firmou Termo de Ajustamento de Gestão (TAG) com os municípios de Boquim e São Domingos, definindo prazos para resolução de irregularidades encontradas em escolas das respectivas redes de ensino. Ambos os municípios integram a área de controle e inspeção sob responsabilidade do conselheiro-substituto Francisco Evanildo de Carvalho, que repassou a informação ao colegiado na sessão plenária desta quinta-feira, 16.

No caso de Boquim, um dos prazos diz que a Prefeitura terá 120 dias para instalar e por em funcionamento os equipamentos de informática em todas as escolas da rede municipal. Há também o prazo de 90 dias para reformar instalações sanitárias e de 30 dias para instalação de bebedouros com água filtrada em determinadas unidades de ensino.

Já o TAG firmado com o município de São Domingos, tem como determinação mais incisiva a recuperação da pintura, revestimento interno e externo e telhados em oito das unidades escolares em 180 dias. Outra exigência consiste na indicação, dentro de 30 dias, de providências relativas à defasagem de alunos matriculados comparando-se à população de jovens em idade escolar.

As assinaturas dos Termos de Ajustamento ocorreram no decorrer da semana, no gabinete do conselheiro-substituto, com as presenças do procurador João Augusto Bandeira de Mello; do conselheiro-substituto Rafael Fonsêca e do diretor de Controle Externo de Obras e Serviços, Álvaro de Carvalho, além dos prefeitos Jean Carlos Nascimento, de Boquim; e Pedro da Silva, de São Domingos.

Os gestores se comprometeram em solucionar as falhas identificadas pela equipe técnica da Corte de Contas em inspeções realizadas entre os meses de maio e junho deste ano. A depender da urgência que requer cada item pendente, os prazos variam de 10 a 180 dias.

O cumprimento dos Termos de Ajustamento será monitorado por comissões específicas, cada uma composta por sete membros, sendo três do TCE/SE, dois da respectiva Prefeitura e outros dois representantes da sociedade civil. Caberá à Diretoria de Controle Externo de Obras e Serviços do TCE fazer inspeções in loco seguindo o cronograma estabelecido.

Sendo o TAG um instrumento consensual entre as partes, somente haverá aplicação de sanções caso o município não cumpra o termo pactuado, caso em que para cada inconformidade que não for corrigida, estão previstas multas diárias que poderão atingir o valor máximo de R$ 10mil.

Nenhum comentário:

Sobre o que já postamos

BOQUIM SERGIPE piso professores GREVE prefeito sintese luta Brasil PISO SALARIAL vereadores Déda Jean câmara Aracaju Lagarto Pedrinhas STF 2012 2014 Alencar Amigos BLOCO CARREIRA DEPUTADOS LAGOA VERMELHA MP PNE PRE-CAJU Tribunal de Contas chile ditadura enterro escolas governo magistério mec micareta prefeitura prova 12 de junho 141anos 150 dias 1567 2010 2016 ADI AZAR Abelardo Romero Dantas Alô Associação BANDA LARGA BODE Bahia CAE CANDIDATO CLT CNBB Carmem Miranda Ciarlos Conae Copa do mundo Creches DIA DO BEIJO ESTADUAL EUA Edivaldo Educação Estado Estância FESTA FIFA HINO IBGE INTERNET Iluminação Interior José José Comblin LAN HOUSE Lula MARCELO DEDA MDE MICARETA 2012 México Natal OAB Obama PAREDÕES PRAÇA RCB RESISTÊNCIA SE SEXTA FEIRA 13 TV Tabaroinha Taxa UFS Zé Carioca acidente adefib ai se eu soubesse aliança angra 1 angra 2 aniversário anos arcaju argentina.brasil assembleia. assim você me mata atomicas atrasado aulas bardosa batismos campanha censura cidadania cidade concursado contratados copertalse cravo dança das cadeiras dem denúncia dia dos namorados direitos edil energia escravos esquerda estudantes expressão fhs floro frei betto fundação hospitalar de saúde globo golpe militar hegemonia humanos iran japão jovem jovens joão junho kw/h lei liberdade libertação livro líder manifestações merenda merendeira micareta 2011 morte médicos mídia nacional notas novela nucleares oposição pacientes padre pascoa pedro barbosa polícia militar política prefeitos presidente pt páscoa quaresma reforma republica riachão rojões santana sbt secretaria segurança pública sindipema smecelt tabela tarifas teologia da libertação trânsito universitários usinas verdade vereador vice violencia voto