quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

Pagamento de Dezembro dos professores de Boquim começa hoje para alguns



Em Sergipe enquanto já tem prefeito a exemplo de Japaratuba anunciando o reajuste do piso salarial dos professores em 2015, o presidente da Federação dos Municípios do Estado de Sergipe (Fames), Antônio Rodrigues (Tonhão) leva a conhecimento do SINTESE e dos professores que eles (prefeitos) querem retirar direitos da categoria.

Em Boquim na quarta-feira (07), na Secretaria de Educação os representantes da categoria Jackson Claudio (delegado de base), Adilson Ribeiro (delegado adido), Allan Rodrigues (Comissão de Negociação) e o professor José (vice coordenação da Subsede na Centro Sul) estiveram reunidos com o Secretário Antonio Gois.

A reunião foi para tratar desde o não pagamento de dezembro aos professores, agendamento das reuniões da Comissão de Gestão Democrática e da Carreira, do Plano Municipal de Educação, a Semana Pedagógica, a instalação da Creche, Piso Salarial de 2015, e a situação da Escola Municipal Geminiano, no povoado Garangau e as demais escolas.

Sobre o pagamento de dezembro o secretario garantiu que da quinta-feira (dia 08) até o dia 10 (no sábado) todos os professores receberão o salário. E explicou que este ano já estão vendo medidas para garantir o pagamento no dia 30 de cada mês. 

As reuniões das comissões ficaram definidas para iniciar dia 26 de fevereiro visando a construção do Plano Municipal de Educação. Quanto a Semana Pedagógica o secretário diz esta finalizando os estudos de sua aplicação onde solicitará do SINTESE alguns nomes para a discussão do PME a luz do Plano Nacional, e que breve oficiará o pedido. 

Quanto a creche a ser construída no município a demora está na Empresa que é responsável pela construção, mas a cobrança para que ela venha efetivar a obra é constante. 

No caso da reforma da Geminiano o secretario acredita que antes do inicio das aulas ela já estará concluída e aguarda dos diretores das escolas o diagnóstico do que precisam para o funcionamento do ano letivo de 2015, tanto no quadro funcional quanto de estrutura. 

Sobre o reajuste do Piso Salarial em 13,01% foi deixado pelos representantes da categoria que a ideia de querer retirar direitos, e o atraso nos pagamentos de salário já deixaram os professores em alerta para a luta, uma vez que em Boquim estão em estado de assembleia permanente e a qualquer momento ou no dia a reunião administrativa realiza-la para deliberação de lutas, negociações, paralisações, atos e movimentos paredistas. 

Até sexta-feira (dia 09) os representantes dos professores estarão aguardando uma resposta do chefe de gabinete Vanilton Alves marcando a audiência do Prefeito com o SINTESE, pois desde outubro o sindicato vem pedindo uma reunião com gestor.



Nenhum comentário:

Sobre o que já postamos

BOQUIM SERGIPE piso professores GREVE prefeito sintese luta Brasil PISO SALARIAL vereadores Déda Jean câmara Aracaju Lagarto Pedrinhas STF 2012 2014 Alencar Amigos BLOCO CARREIRA DEPUTADOS LAGOA VERMELHA MP PNE PRE-CAJU Tribunal de Contas chile ditadura enterro escolas governo magistério mec micareta prefeitura prova 12 de junho 141anos 150 dias 1567 2010 2016 ADI AZAR Abelardo Romero Dantas Alô Associação BANDA LARGA BODE Bahia CAE CANDIDATO CLT CNBB Carmem Miranda Ciarlos Conae Copa do mundo Creches DIA DO BEIJO ESTADUAL EUA Edivaldo Educação Estado Estância FESTA FIFA HINO IBGE INTERNET Iluminação Interior José José Comblin LAN HOUSE Lula MARCELO DEDA MDE MICARETA 2012 México Natal OAB Obama PAREDÕES PRAÇA RCB RESISTÊNCIA SE SEXTA FEIRA 13 TV Tabaroinha Taxa UFS Zé Carioca acidente adefib ai se eu soubesse aliança angra 1 angra 2 aniversário anos arcaju argentina.brasil assembleia. assim você me mata atomicas atrasado aulas bardosa batismos campanha censura cidadania cidade concursado contratados copertalse cravo dança das cadeiras dem denúncia dia dos namorados direitos edil energia escravos esquerda estudantes expressão fhs floro frei betto fundação hospitalar de saúde globo golpe militar hegemonia humanos iran japão jovem jovens joão junho kw/h lei liberdade libertação livro líder manifestações merenda merendeira micareta 2011 morte médicos mídia nacional notas novela nucleares oposição pacientes padre pascoa pedro barbosa polícia militar política prefeitos presidente pt páscoa quaresma reforma republica riachão rojões santana sbt secretaria segurança pública sindipema smecelt tabela tarifas teologia da libertação trânsito universitários usinas verdade vereador vice violencia voto